AMSTERDÃ, na Holanda

Que cidade encantadora, com seus canais que cruzam a cidade e com as bicicletas que estão por todos os lados.

Ficamos 3 dias na cidade, mas aconselhamos a ficar mais. Apesar de ser friozinho vale muito a pena conhecer esse lugar!

Fizemos a rota Mallorca, na Espanha, para Eindhoven, Holanda, de avião pela companhia Ryanair. Passamos o dia em Eindhoven para conhecer a cidade. No final da tarde, pegamos um ônibus pela companhia FlixBus para Amsterdã. Fizemos esse trajeto pois era a maneira mais barata de chegar em Amsterdã; ainda conhecemos mais uma cidade!

Qual é a melhor época para conhecer?

Fomos no começo de maio, pegamos um tempo agradável mas com um friozinho, por volta de 10-15ºC. Uma época bem famosa para ir é na época que florescem as tulipas grande charme da cidade. A época das tulipas é entre meados de março e meados de maio, quando estávamos lá.

Onde se hospedar:

Nós nos hospedamos em um hostel com uma ótima localização, bem próximo a Red Light District. Fizemos tudo a pé e estávamos perto das principais ruas.

Hostel: Shelter City Christian Hostel

Essa foi a melhor opção que encontramos: tem ótima localização, os quartos são limpos, e tem café da manhã incluso, e era umas das opções mais baratas.

Como se locomover:

Dependendo do lugar que você se hospedar, grande parte da cidade da para fazer a pé, pois é uma cidade que tem maior parte de seus pontos turístico bem no centro. Uma outra opção é conhecer a cidade com uma bicicleta, vou falar um pouco mais sobre isso mais pra baixo no post.

O que conhecer :

1ºdia

Chegamos já eram 20h da noite, fizemos o check in no hostel e já fomos caminhar para conhecer a vibe noturna de Amsterdã.

A cidade é maravilhosa mesmo à noite, vários restaurantes e coffe shops, um ponto bom da cidade é que você consegue lugares abertos até mais tarde da noite.

De Wallen é o centro medieval da cidade. Rodeado pela Red Light District (bairro das luzes vermelhas), com as suas iluminações de néon, e mulheres nas vitrines. Não tem como ir para Amsterdã e não ouvir falar desse famoso bairro. É válido conhecer e passar pelo menos uma vez. Além disso, o bairro conta com casas de shows noturno.

Dica: Se quer ir em um bom coffeeshop aconselho o 1º hulp.

2ºdia

Acordamos, tomamos nosso café da manhã no hostel e já fomos conhecer a cidade com o free walk tour que o próprio hostel oferece.

Foi bem interessante, é um tour puxado mais para pontos históricos e católicos da cidade, esses tour são ótimos para conhecer lugares que provavelmente se você passa-se sem um guia não prestaria atenção.

Após nosso tour fomos até o voldel park, um parque bem extenso e muito agradável para sentar e fazer um piquenique.

Nós fomos já era de tarde e ficamos sentados tomando um sol e apreciando a vista.

Dica: não deixe de fazer um piquenique no parque ou uma das opções recomendadas é fazer um passeio de bike pelo parque inteiro.

No final do dia optamos por achar um lugar para comer e logo fomos caminhar pelo centro.

Nós não cansamos de andar à noite nas ruas de Amsterdã, são incríveis.

3º dia:

Nesse dia optamos por começar o dia com o famoso passeio de barco pelos canais da cidade. Compramos os tickets no próprio hostel, pela companhia rederijkooij, pagamos 11 euros por esse passeio. Gostamos bastante do tour que o barco faz, e se você curte essa vibe de navegar pelos canais vale a pena fazer o passeio.

Site:

http://www.rederijkooij.nl

Depois do tour de barco fizemos um free walk tour para conhecer mais sobre a cidade, ver a parte cultural da cidade.

Não sei se vocês já ouviram falar desses free walk tour, mas são bem interessantes. Descobrimos ele aqui na Europa mesmo, você entra no site da free walk tour, escreve o tipo de passeio que quer acompanhar e o lugar que está e é só partir para a caminhada, esses tour tem em varias línguas, além de ter vários tipos , são designados para pessoas que viajam sozinhas ou em pequenos grupos, e se você não tem um roteiro pronto do que conhecer no lugar que for viajar é uma excelente opção.

Site: https://freewalkingtour.com

Na parte da tarde optamos por seguir um outro free walk tour chamado de alternativo, o guia explicava do porque dos coffeshop na cidade, de como começou a história das mulheres nas vitrines, entre outros assuntos. Gostamos muito desse tour, ainda mais para entender toda a história dessa parte de Amsterdã. Recomendamos esse!!

Aproveitamos para entrar nas lojinhas de souvenirs, que são sensacionais e tem muitas coisinhas para comprar. Não tem como não entrar nessas lojinhas e não comprar nada!

Foto: vale a pena entrar e conhecer essa igreja, een kwartier voor God, soubemos dela através de um dos free walk tour que fizemos, é muito fácil ela passar despercebida na rua.

Passamos também pela praça dos museus onde se concentram a maior parte dos museus. Acabamos não entrando em nenhum deles, mas dizem que deve -se entrar.

Um dos motivos que ainda voltarei nessa cidade e como disse no começo do post vale a pena passar mais dias nesse lugar, porque tem muita coisa para conhecer!

No final da tarde alugamos uma bicicleta para não perder a oportunidade de andar de bicicleta em Amsterdã.

Que experiência incrível, se for para Amsterdã, não deixe de fazer isso, inclusive está na lista do blog: 100 coisas para fazer antes de morrer!

Alugamos a bicicleta pela empresa green budget bikes , indicada pelo nosso hostel. Pagamos 5 euros por 1 hora de bicicleta ( válido dizer que deixamos 25 euros de calção na loja).

Site: https://www.greenbudgetbikes.nl

E não deixamos de dar aquela voltinha pela cidade na parte da noite.

Dica: green house também é um bom coffeeshop.

4º dia

No último dia, acordamos mais cedo e já pegamos as malas porque íamos pegar o ônibus as 14h para Bruxelas. Aproveitamos para ir até a rodoviária a pé para conhecer um parque chamado Westerpark.

Recomendo Amsterdã, é uma cidade que deve ser visitada, e com certeza voltarei lá. Tem muita coisa para conhecer!

Posts relacionados:

ALGARVE, as melhores praias de Portugal

8 coisas para fazer em FLORIPA

Tudo sobre EL CHALTÉN 

6 lugares para conhecer em UBATUBA

3 comentários em “AMSTERDÃ, na Holanda

  1. Pingback: Alemanha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s